n. 16 (2014)

Sumário

Editorial

Editorial PDF
  8

Dossiê “Historicidade e literatura”

Apresentação PDF
Henrique Estrada, Verónica Tozzi 10-14
Del gaucho literario al gaucho "real": un aporte a su construcción en Argentina (1845-1913) PDF (Español)
Máximo Yolis 15-36
Quando a literatura fala à história: a ficção de Barbosa Lessa e a memória pública no Rio Grande do Sul PDF
Jocelito Zalla 37-54
Nome próprio e descrição do social: poética da nomeação em Balzac PDF
Raquel Campos 55-74
“O historiador das consciências delicadas”: ficção, realidade e ética na obra de Henry James PDF
Luiza Larangeira da Silva Mello 75-89
Como Proust foi moderno: entre debates literários e conflitos culturais PDF
Paulo Rodrigo Andrade Haiduke 90-106
O murmurante evocador do passado: A Montanha Mágica e o romance de formação após a Primeira Guerra Mundial PDF
Pedro Spinola Pereira Caldas 107-120
Modos ficcionais e historicidade: Charles Dickens, Franz Kafka, Raymond Carver PDF
Gustavo Naves Franco 121-137
Entre el tiempo y la historicidad: reflexiones sobre Austerlitz de W. G. Sebald PDF (Español)
Gilda Bevilacqua 138-155
Archivos de infelicidad en la ficción realista: el fracaso del sueño americano en Pastoral Americana y Flesh and Blood PDF (Español)
Mariela Solana 156-173
Um grão de sal: autenticidade, felicidade e relações de amizade na correspondência de Mário de Andrade com Carlos Drummond PDF
Ricardo Benzaquen de Araújo 174-185
El figuralismo como un modelo estético de interpretación histórica: análisis de la figura de “hijo de desaparecido” PDF (Español)
Omar Murad 186-202
We Don't Need Another Hero: Queering Representations of Dissident Sexualities from the Recent Argentine Past PDF (English)
Moira Pérez 203-2016
Experimentos historiográficos postmodernos (3): diálogos entre la novela y la historia PDF (Español)
Aitor Bolaños de Miguel 217-238
Lo compacto y lo distorsionado: ciencia, narrativa e ideología en Hayden White PDF (Español)
Nicolás Lavagnino 239-256

Resenha

Um desejo chamado ensaio PDF
NICOLAZZI, Fernando. Um estilo de História: a viagem, a memória, o
ensaio: sobre Casa-grande e Senzala e a representação do passado. São
Paulo: Editora UNESP, 2011. 486 p.
Lidiane S. Rodrigues 258-264
Um passado que somos: sobre Casa-Grande e senzala pela voz de Fernando Nicolazzi PDF
NICOLAZZI, Fernando. Um estilo de História: a viagem, a memória, o
ensaio: sobre Casa-grande e Senzala e a representação do passado. São
Paulo: Editora UNESP, 2011. 486 p.
Francisco Gouvea de Sousa 265-270
As mudanças na historiografia francesa durante as primeiras décadas século XIX PDF
MEDEIROS, Bruno Franco. Plagiário, à maneira de todos os
historiadores. Jundiaí: Paco Editorial, 2012. 192 p.
Cleonice Elias da Silva 271-279
O Lutero de Lucien Febvre: uma discussão sobre biografia e história da historiografia PDF
FEBVRE, Lucien. Martinho Lutero, um destino. São Paulo: Três Estrelas,
2012. 359 p.
Sabrina Magalhães Rocha 280-286
Viagem de longo curso: duzentos anos de historiografia francesa PDF
DELACROIX, Christian; DOSSE, François; GARCIA, Patrick. Correntes históricas na França: séculos XIX e XX. Traduzido por Roberto Ferreira Leal. Rio de Janeiro: Editora FGV; São Paulo: Editora Unesp, 2012. 478 p.
Marcos Antônio Lopes 287-293
Reinhart Koselleck: histórias no plural PDF
NIKLAS, Olsen. History in the Plural: an Introduction to the Work of
Reinhart Koselleck. New York: Berghahn Books, 2012. 346 p.
Marcelo Durão Rodrigues da Cunha 294-300
Koselleck/koselleck: notas sobre experiência e biografia PDF
NIKLAS, Olsen. History in the Plural: an Introduction to the Work of
Reinhart Koselleck. New York: Berghahn Books, 2012. 346 p.
Eugenia Gay 301-305

Normas de publicação

Normas de publicação PDF
  309-312

Diretrizes para autores

Diretrizes para autores PDF
  314

Edição Completa

Edição completa PDF
  315 p


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

ISSN: 19839928